• Liana Aragão - 27/04/2024 09:27 || Atualizado: 30/04/2024 12:29

O governador Rafael Fonteles entregou, nessa sexta-feira (26), a premiação do Seduckhaton, campeonato de programação promovido pela Secretaria da Educação (Seduc). A fase final foi encerrada após três dias intensos de atividades, onde 10 times formados por estudantes da rede pública estadual de ensino, matriculados nos Cursos Técnicos de Desenvolvimento de Sistemas e Programação de Jogos, apresentaram projetos que reúnem soluções práticas e que aprimoram a rotina escolar.

Os alunos das equipes finalistas ganharam um intercâmbio internacional para os Estados Unidos e a Coréia do Sul. O plano inicial era premiar as seis melhores equipes com a viagem internacional, mas no anúncio do resultado da competição, Rafael Fonteles contemplou também as quatro turmas que ficariam de fora. O governador revelou o plano de ampliar o número de intercambistas do Seduckathon nos próximos anos, chegando a 100 estudantes em 2025 e a 200 em 2026.

WhatsApp Image 2024-04-26 at 21.54.31 (1).jpeg

O grande campeão da noite foi o Ceti Liceu Parnaibano, que os alunos escolheram ir para os Estados Unidos. Na solenidade, foi assinado o termo de cooperação com a Worcester Tech, instituição americana representada no ato pelo diretor Drew Weymouth.

WhatsApp Image 2024-04-26 at 21.56.07.jpeg

"Essa é uma política pública importante que potencializa a melhoria da educação e a educação de base tecnológica, que é o que vai oportunizar muito mais situações de prosperidade para esses garotos e garotas, que estão participando desse processo" disse Rafael Fonteles.

WhatsApp Image 2024-04-26 at 21.54.30.jpeg

"Vocês estão sentindo esperança! Esperança de dias melhores, de oportunidades que estão chegando na escola pública do estado do Piauí", disse emocionado o secretário da Educação, Washington Bandeira. 

O Seduckathon é um dos resultados das missões internacionais lideradas pelo governador Rafael Fonteles, que conseguiram abrir as portas de instituições renomadas no mundo, para receber estudantes piauienses. Quase 1.400 alunos se inscreveram para as provas objetivas da primeira fase. Dez projetos foram selecionados para a grande final.

WhatsApp Image 2024-04-26 at 21.54.30 (1).jpeg

"Ao todo, nós teremos 50 estudantes e 10 professores que irão para o intercâmbio. Os demais irão receber ajuda de custo. É um incentivo do Governo do Estado para que essa juventude possa cada vez mais se desenvolver e ajudar a desenvolver o nosso estado", explicou Paulo Henrique, coordenador do Seduckathon.

WhatsApp Image 2024-04-26 at 21.54.31.jpeg

Kainã Ribeiro, aluno do 2º ano do Ceti Paulo Freire, localizado no município de Guaribas, desenvolveu com sua equipe uma solução em inteligência artificial, denominada Edula, para auxiliar na relação ensino-aprendizagem e ajudar os professores da escola em que estuda. "O algoritmo do Edula pode reconhecer se o aluno vai bem ou não por meio de uma pequena avaliação diagnóstica de 10 questões, mais ou menos. Ali você faz aquela avaliação, aí já gera um relatório para o professor" explicou o estudante.

A equipe do Ceti Paulo Freire garantiu a viagem internacional. "Depois de dois dias de competição intensa, muita programação, muito código e a gente conseguir entregar o que foi planejado dentro do prazo estipulado, é muito gratificante", avaliou o professor Eraques Alves, orientador da turma.

WhatsApp Image 2024-04-26 at 21.56.08.jpeg

Resultado Final Seduckathon 2024

1º - Ceti Liceu Parnaibano
2º - Ceep Pref. João Mendes de O. Melo
3º  - Ceti Nossa Senhora do Patrocínio
4º - Ceti Paulistana
5º - Ceti Conselheiro Saraiva
6º - Ceti Paulo Ferraz